CozinhaConnosco

pesquisar

 
Quinta-feira, 27 / 02 / 14

Tarte de Abóbora com Nozes

Hoje trago-vos uma tarte bastante simples e que de certo vos irá agradar.

 

Tarte de Abóbora com Nozes

 

 

Ingredientes:

 

  • 1 massa quebrada ou folhada;
  • 300gr. de abóbora descascada e limpa:
  • 300gr. de açúcar;
  • 1 pau de canela ou como alternativa usar canela em pó;
  • 1 dl de água;
  • 5 gemas;
  • 2 ovos;
  • 8 nozes;
  • 1 casca de limão.

 

Preparação:

 

Cortar a abóbora em cubos pequeninos (+/- 1 cm). 


Deitar o açúcar num tacho, juntar-lhe a abóbora, a canela e a água, misturar tudo e deixar embeber.

 

 

Quando o açúcar estiver líquido, tapar, levar ao lume. Quando começar a ferver, destapar e deixar ferver durante 8 minutos {#emotions_dlg.away}.

 

 

Retirar do lume e deixar arrefecer. Retirar a casca do limão e o pau de canela, caso tenha sido utilizado.

 

 

Descascar as nozes e partir em pedacinhos. 

Bater os ovos com as gemas, misturando-os com a abóbora cozida e respetivo líquido. Mexer bem, mas não bater, para não desfazer a abóbora. Misturar as nozes e deixar na massa quebrada/folhada que já deve estar picada na tarteira.

  

 

Levar a cozer a 180ºC durante 35 minutos {#emotions_dlg.away}, colocando a tarteira a meia altura do forno.

 

Fazer o teste do palito para verificar se está cozida. Retirar e deixar arrefecer.

 

Bom apetite =)

Vem daí, e CozinhaConnosco!

 

Por: João {#emotions_dlg.happy}

publicado por CozinhaConnosco às 19:11
Sábado, 11 / 05 / 13

Bolo de Tabuleiro de Chocolate e nozes

Hoje trago-vos um bolo de chocolate, que vi no site do Pão, Bolos e Cia e fiquei tentado. É muito fácil e muito saboroso.

 

Bolo de Tabuleiro de Chocolate e nozes



 

Ingredientes:

 

  • 2 chávenas de açúcar;
  • 1 chávena de chocolate em pó;
  • 3 chávenas de farinha
  • 1 colher de chá de fermento em pó;
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio;
  • 1 chávena de óleo;
  • 2 ovos;
  • 2 chávenas de água a ferver;
  • nozes picadas q.b. (para colocar no topo do bolo por isso podem ficar maiorzinhas).

 

Preparação:

 

Em primeiro lugar, peneirar o açúcar, o chocolate, a farinha, o fermento e o bicarbonato para a mesma tigela.

 

 

Em seguida bater ligeiramente os ovos, e juntar à mistura anterior juntamente com o óleo e a água a ferver.

 

Ligar o forno a 180ºC para ir pré-aquecendo.

 

Untar um tabuleiro rectangular e polvilhar com a farinha. Eu preferi jogar pelo seguro e usei papel vegetal.

 

Verter a massa e colocar as nozes por cima da massa.

  

Levar ao forno durante 25 minutos {#emotions_dlg.away}. Poderão fazer o teste do palito para verificar se o bolo está cozido.

 

Deixar arrefecer um pouco e desenformar.

 

Quando estiver frio cortar aos quadrados.

 

Bom apetite =)

Vem daí, e CozinhaConnosco!

 

Por: João {#emotions_dlg.happy}

publicado por CozinhaConnosco às 21:15
Quinta-feira, 22 / 11 / 12

Bolinhos de batata do Bolinho

Aqui por Leiria temos uma tradição que tem perdido adeptos, se bem que com a crise talvez a coisa vire, que é no dia 1 de Novembro (Dia de todos os santos) se celebrar o "Dia do Bolinho", também conhecido noutras regiões como o "Pão por Deus". Não se trata nada mais nada menos que o Halloween dos portugueses. 

 

Neste dia, as crianças em grupos ou não, vão de porta em porta pedir o bolinho, muitas vezes com a frase "Oh tia dá bolinho?" entre outras rimas. Fazem-se acompanhar de sacos de pano e as pessoas oferecem pão, broas, romãs, nozes, castanhas, entre outras coisas.

 

Esta tradição já vem do século XV, e em 1756 deram-lhe um novo significado, pois fazia um ano do terramoto de Lisboa. Como coincidiu com o dia santo, a população aproveitou para fazer um peditório de forma a manter a tradição de lembrar as vítimas. As pessoas iam de porta em porta pedir o "Pão por Deus" para matar a fome. A tradição manteve-se mas ganhou novas regras, em que era apenas permitido a crianças até aos 10 anos e que só podiam pedir até ao meio-dia, depois disso as pessoas deveriam recusar.

 

No meu caso, ainda cheguei a ir uns anitos à vizinhança meio envergonhado {#emotions_dlg.blushed}, porque muitas vezes ia sozinho, mas as recordações são boas, nessa ocasião partilham-se histórias, bondade e outros valores. 

 

Como referi em cima, esta tradição, nos dias de hoje foi puxar um pouco ao Halloween, sendo que atualmente as pessoas dão muito à base de chocolates e guloseimas. Os que vêm bater aqui à porta nesse dia, levam os meus bolinhos, que fogem um pouco ao "bolinho tradicional" (o tradicional é um bolinho duro), mas também são bastante bons.

 

Bolinhos de Batata

 

Ingredientes:

  • 2,5 Kg de Farinha;
  • 1,5 Kg de Açúcar;
  • 1/2 pacote de erva doce (dos pequenos, equivale +/- a uma colher de sobremesa);
  • 10 Ovos;
  • 1 Limão grande (raspa);
  • 1 colher de chá de bicarbonato de soda;
  • 3 colheres de chá de fermento;
  • 2 Kg de batatas;
  • 125 gr de Margarina;
  • Frutos secos a gosto.

Preparação:

 

Começar por cozer as batatas (eu costumo cortar aos cubos para a cozedura ser mais rápida).

 

 

Depois de cozidas e escorridas, passar pelo passe-vite de forma a obter um puré. O puré deverá ser colocado numa tigela grande, ou se preferir poderá dividir por duas. Em seguida, juntar todos os ingredientes, menos os frutos secos.

 

 

Estamos prontos para amassar. Podem amassar como vos apetecer, eu normalmente faço movimentos de abrir e fechar a mão e também de carregar. Atenção ao fundo da tigela, há uma certa tendência a acumular alguma farinha. Esta massa pega-se bastante aos dedos, por isso não se preocupem se vos acontecer. Quando estiver bem amassada, juntar os frutos secos e amassar levemente de forma a apenas misturar os frutos com a massa.

 

 

 

Depois desta fase, pré-aquecer o forno a 180ºC. Seguidamente pegar num tabuleiro, forrar com papel vegetal e polvilhar de farinha.

 

Para a próxima etapa, aconselho a colocar um pouco de azeite numa chávena e com um pincel, pincelar a mão. Desta forma a massa não agarrará tanto.

 

Voltamos à nossa tigela da massa, pegando num bocado de massa e dando-lhe o aspeto que quiser. Algumas pessoas fazem mais arredondadas, outras mais ovais, fica ao critério de cada um. Encher o tabuleiro com bolinhos e levar ao forno. Atenção, não colocar muito juntos, pois eles crescem.

 

Eu costumo deixar +/- 16 minutos {#emotions_dlg.away} cada fornada, mas se acharem que estão muito brancos por cima, deixem mais um pouco, ou por outro lado se acharem que já estão muito tostados, podem tirar.

 

O resultado é este.

 

 

São muito bons e viciantes. E uns dias depois continuam a saber como se tivessem sido feitos no dia.

 

Dica:  Se vos der a preguiça a meio, podem congelar a massa e fazer noutro dia/mês. Fala a voz da experiência.

 

P.s. - O blog tem uma novidade, desta vez são os links de interesse que visitamos. Encontram-se na típica coluna da direita, debaixo do título "Links que visitamos".

 

Bom apetite =)

Vem daí, e CozinhaConnosco!

 

Por: João {#emotions_dlg.happy}

publicado por CozinhaConnosco às 21:01
Quarta-feira, 24 / 10 / 12

Quiche de Carne, Cogumelos, Noz e Espargos

Recentemente estreei-me no mundo das quiches. Sempre tinha ouvido falar do termo e sabia por alto o que era, mas só durante a minha estadia no Porto é que tive oportunidade de aprender a fazer e a saborear.

 

Ao contrário do que se pensa e de ser um prato tradicional francês a quiche teve origem na Alemanha. O seu nome vem do alemão "Küchen" que quer dizer torta. Este prato teve origem na Alsácia Lorena que actualmente pertence à França e faz fronteira com a Alemanha.

 

Inicialmente essa província fazia parte da Alemanha e chamava-se "Lothringen" (em português Lorena e em francês Lorraine). Depois de muitas batalhas (incluindo a primeira e segunda guerras mundiais), Lorena volta para a França, e a quiche passou a chamar-se "Quiche de Lorraine".

 

A quiche não tem propriamente regra do que devemos usar, basicamente pode-se usar o que se quiser, fazendo os maiores contrastes de sabores. Muitas vezes, serve até para reaproveitamentos.

 

Hoje trago-vos:

 

Quiche de Carne, Cogumelos, Noz e Espargos

 

Ingredientes:

 

  • Massa quebrada;
  • Carne cozinhada (podem aproveitar algum bife ou frango assado);
  • 1 Frasco de cogumelos inteiros;
  • Noz q.b.
  • 1 Frasco de espargos;
  • 5 Ovos;
  • 1 Pacote de natas;
  • Pimenta preta q.b.

 

Preparação:

 

Pré-aquecer o forno à temperatura de 180ºC. Enquanto isso, deverá dispor a massa quebrada na tarteira e picá-la com um garfo.

 

 

De seguida, leve a massa ao forno até ela ficar douradinha.

Para rentabilizar o tempo, pode partir os ovos para uma taça e batê-los com a batedeira. Quando estiverem bem batidinhos, juntam-se as natas e bate-se mais um pouco. 

 

 

Passados uns 10 minutos {#emotions_dlg.away}, retira-se a massa do forno, e coloca-se a carne partida aos bocadinhos (ou desfiada no caso do frango), junta-se os cogumelos, as nozes, e corta-se os espargos para cima. 

 

 

 Por fim regar com a mistura de ovo/natas e adicionar pimenta preta a gosto.

 

 

Levar ao forno até ficar tostadinha.

 

 

Esta foi a minha primeira experiência com quiches e a meu ver e segundo os gulosos cá de casa ficou aprovada. Como viram é rápido e não dá trabalho nenhum.

Eu não falei em sal, porque muitas vezes os alimentos que usamos já têm a sua parte de sal, no meu caso o bife, estava bastante apurado.

 

{#emotions_dlg.meeting}Nota: As quiches podem ser servidas como entrada, como lanche, em almoços, em jantares, com ou sem acompanhamento. 

 

P.s. - O blog continua a crescer, por isso foi acrescentado um tradutor, na barra da direita.

 

Bom apetite =)

Vem daí, e CozinhaConnosco!

 

Por: João {#emotions_dlg.happy}

publicado por CozinhaConnosco às 21:53
Segunda-feira, 05 / 03 / 12

O Primeiro

 

Olá a todos os cozinheiros e cozinheiras, curiosos, seguidores, pessoal 

que põe a mao à obra e afins .

Somos o João e a Liliana, ambos estudantes com o mesmo hobbie, e pelo 

qual já passámos uns belos momentos. Desde massas a doces, sujar e 

limpar, e pelo meio umas fotos para recordar.

Neste novo blog, pretendemos dar-vos a conhecer algumas das nossas 

experiências e vão ver que não custa nada, pretendemos ter por cá um 

pouco de tudo, desde petiscos a doces, e aceitamos sugestões!

 

Para começar deixamo-vos com uma experiência recente:

 

Bolo de Noz e Canela

 

 

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 200gr açúcar
  • 250 gr de farinha
  • 1 chávena de leite
  • miolo de noz q.b.
  • 1 colher de sopa de canela

 

Preparação:

Começam por bater o ovo bem batido. Seguidamente adicionam

o açúcar. Quando estiver bem mexido adicionam uma chávena

de chá de leite.

Adicionam a farinha, isto sempre a bater.

Depois adicionam uma colherzita de fermento, uma colher de canela 

e a noz.

No fim unta-se a forma, coloca-se no forno e vai ver morangos com 

açúcar enquanto esperas que coza :P

 

Sugestão:

Uma boa fatia com cházinho de maçã e canela, ou cidreira.

Bom apetite =)

Vem daí, e CozinhaConnosco!

Etiquetas: , ,
publicado por CozinhaConnosco às 23:34
Bem-vindos ao CozinhaConnosco. Neste blog, dois amantes da culinária, querem partilhar convosco as suas experiências na cozinha. Vistam o avental e divirtam-se connosco! Li e João

mais sobre nós

Junho 2016

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

FalaConnosco

Receitas passadas

Translator